Atendemos a todo Brasil

Grupo Ibrace
Escritório Campinas

Rua Maestro Francisco Manuel da Silva, 71
Campinas – SP – 13080-190 

E: comercial_ibrace@grupoibrace.org.br
T: (19) 3578-0100

Grupo Ibrace
Escritório São Paulo

Rua Haddock Lobo, 595, 8º andar
São Paulo – SP

E: comercial_ibrace@grupoibrace.org.br
T: (19) 3578-0100

Grupo Ibrace
Escritório Brasília

SRTV/Sul Quadra 701 Ed. Centro Empresaria Brasília, Bloco A, Salas 701/705 – Asa Sul
Brasilia – DF

E: comercial_ibrace@grupoibrace.org.br
T: (19) 3578-0100

Nosso laboratório trabalha no sistema 24h/5d, temos atendimento ao cliente para o acompanhamento do projeto em horário comercial.

Certificações AnatelCertificações CGCRE (INMETRO)Testes e Ensaios Laboratoriais.

Anatel conclui Celular Legal com saldo elevado de acessos irregulares

No final de março deste ano, a Agência Nacional de Telecomunicações terminou a última etapa de bloqueios do programa Celular Legal. A iniciativa busca restringir aparelhos piratas ou com alguma irregularidade no seu IMEI de operarem.

A Anatel ainda divulgou os resultados de acessos irregulares e bloqueados até o último mês de fevereiro, quando os dispositivos ilegais das regiões da última etapa já recebiam as mensagens com aviso de bloqueio.

Saldo elevado de acessos irregulares

Os números por enquanto revelados pela agência indicam uma quantidade elevada de aparelhos com algum tipo de ilegalidade. Ao todo, foram 531.446 acessos irregulares entre fevereiro de 2018 e o mesmo mês em 2019.

Os estados com maiores índices foram Goiás (98.629) e Distrito Federal (70.634). A quantidade reflete o tempo de ambos com o programa em vigor, uma vez que foram os pioneiros na aplicação do Celular Legal.

Mas a tendência é que eles sejam ultrapassados em breve por São Paulo. Estado mais populoso do Brasil, o território paulista já chegava a 50.984 alertas somente nos dois primeiros meses de implantação. Quando os dados do último mês forem atualizados, o número deverá crescer.

Quase metade já foi bloqueada

Do total de avisos emitidos, 244.217 dispositivos já foram bloqueados no período compreendido pelos dados da Anatel. Goiás lidera com 85.970 restrições; seguido pelo Distrito Federal, com 60.231.

O número somado deverá subir quando forem atualizadas as informações dos últimos estados que começaram os bloqueios no final de março, como São Paulo. É importante ressaltar que os bloqueios seguem em vigor nos primeiros estados, mesmo após o início das demais fases.

Não são somente smartphones bloqueados

Como já foi abordado em uma coluna Detetive TudoCelular no ano passado, o programa Celular Legal – apesar do nome – não restringe somente smartphones. Os bloqueios se aplicam a quaisquer dispositivos piratas que acessarem uma rede móvel após o início do processo.

Aparelhos eletrônicos como tablets, smartwatches e máquinas de passar cartão de crédito estão suscetíveis ao bloqueio, caso não apresentem um IMEI válido ou tenham alguma restrição por roubo ou outra adulteração.

Produtos importados que tenham uma certificação oficial de algum órgão regulador estrangeiro não serão restringidos, a menos que haja algum dos casos listados no parágrafo anterior.

Como descobrir se o dispositivo está legal?

Para saber se o seu celular ou outro dispositivo não possui qualquer restrição, você poderá consultar o IMEI do aparelho – ao discar *#06# – na página dedicada dentro do sistema da Anatel (neste link).

Fonte: TudoCelular

Post a comment